UTILIDADES - Minuto Maçônico

98 - A CRUZ 2º

1º - A Cruz em suas várias formas pode ser encontrada até na mais remota antigüidade. Não é nova para a civilização, porque foi encontrada na cerâmica de povos que, arqueologicamente, podem ser considerados como pré-históricos.
2º - Existem 385 tipos diferentes de cruzes, das quais muitas são puramente ornamentais. Uma espécie de cruz eqüilátera foi inventada pelos caldeus-assírios como símbolo do céu e do seu deus Anu.
3º - A Rosa-cruz tem um significado definido, místico e alegórico, que é exclusivo dela. Pode-se dizer que a cruz representa o corpo físico do homem, com os braços estendidos, em saudação ao sol do Oriente, que representa a Luz Maior.
4º - A rosa parcialmente aberta no centro da cruz representa a alma do homem, o ser interno evoluindo dentro dele, enquanto recebe mais luz.
5º - A rosa vermelha no centro exato da cruz onde se cruzam as duas linhas, representa o ponto de união. Refere-se ao ponto onde ocorre a manifestação, por virtude de duas condições diferentes, a material e a espiritual, que unem suas naturezas para um propósito comum.


Lembre-se,

MAÇONARIA ALEGRE E CRIATIVA DEPENDE DE VOCÊ

(saber - querer - ousar - calar)

Rui Tinoco de Figueiredo - MM
ARLS 8 DE DEZEMBRO - 2285
GOSP/GOB Guarulhos - S.Paulo

Agenda de Reuniões

Jornal "O Cruzado"

Área Restrita

Esqueceu a senha?

Patrocinadores