UTILIDADES - Minuto Maçônico

192 - BAPHOMET

1º - Nome sob o qual é conhecido um ídolo que, segundo certos autores, teria sido adorado pelos Templários. Este fato não foi provado, acrescentando-se que se trata de uma transformação da palavra Mahomet.

2º - O Andrógino chibo-cabra de Mendes, uma das antigas divindades egípcias, de cabeça de carneiro, posteriormente representada por uma imagem de dupla cabeça que os Templários foram acusados de adorar em homenagem a Maomé.

3º - Baphomet não passava de um símbolo hermeto-cabalístico, sendo falsa toda história inventada então pelo clero contra os Templários.

4º - Elifas Levi apresenta a figura do Baphomet, denominando-o “Bode de Sabbat – Baphomet de Mendes”, descrevendo-a da seguinte maneira:

5º - "Figura panteísta e mágica do Absoluto. O facho colocado entre os dois chifres representa a inteligência equilibrante do ternário; a cabeça sintética, que reúne alguns caracteres do cão, do touro e do burro, representa a solidariedade só na matéria e a expiação, nos corpos dos pecados corporais. As mãos são humanas para mostrar a santidade do trabalho; fazem o sinal do esoterismo: em cima e em baixo, para recomendar o mistério aos iniciados".

Lembre-se,

MAÇONARIA ALEGRE E CRIATIVA DEPENDE DE VOCÊ
(saber - querer - ousar - calar)

Rui Tinoco de Figueiredo - MM
ARLS 8 DE DEZEMBRO - 2285
GOSP/GOB Guarulhos - S.Paulo

Agenda de Reuniões

Jornal "O Cruzado"

Área Restrita

Esqueceu a senha?

Patrocinadores