UTILIDADES - Minuto Maçônico

208 - NOSSAS VIAGENS

1º - Na Inic.’., ao nos fazerem viajar do Oc.’. para o Or.’ e do Or.’. para o Oc.’., recebemos as primeiras instruções.
2º - A princípio por um caminho escabroso no meio de ruídos e de trovões atordoadores, que, fisicamente, representam o caos, que se acredita ter precedido e acompanhado a organização dos mundos.
3º - Depois, por outra estrada menos difícil, ouvindo o tilintar incessante de armas, representando a idade da ambição, os combates que a sociedade é obrigada a sustentar, antes de chegar ao estado de equilíbrio.
4º - Finalmente, em uma Terc.’. Viagem, por caminho plano e suave, envolto no maior silêncio, encontramos maior facilidade, porque ela nos mostra o estado de paz e de tranqüilidade resultante da ordem e da moderação das paixões do Homem, que atinge a idade da maturidade e da reflexão.
5º - Cada uma dessa viagens, termina em uma porta, onde batemos. A primeira e a segunda, no Oc.’. e a terceira no Or.’.. Na primeira, mandaram-nos passar; na segunda, fomos purificados pela Água; e, na terceira pelo fogo.
E agora o que estamos fazendo ? ? ?


Lembre-se,

MAÇONARIA ALEGRE E CRIATIVA DEPENDE DE VOCÊ

(saber - querer - ousar - calar)

Rui Tinoco de Figueiredo - MM
ARLS 8 DE DEZEMBRO - 2285
GOSP/GOB Guarulhos - S.Paulo

Agenda de Reuniões

Jornal "O Cruzado"

Área Restrita

Esqueceu a senha?

Patrocinadores